Pastor expulsa fiél que faltou a dois cultos seguidos “sem permissão” - Atualidades

Pastor expulsa fiél que faltou a dois cultos seguidos “sem permissão”


Postagem com carta comunicando exclusão viralizou no Facebook



A situação foi na Igreja de Deus em Cristo em Bolton, estado americano do Mississipi, mas não é totalmente incomum em igrejas do mundo todo. Após Azoia Williams, que é membro da congregação, ter faltado a dois cultos seguidos, acabou excluída pelo pastor David E. Johnson.
Ela recebeu uma carta em casa, comunicando que ela não fazia mais parte do rol de membros porque estaria faltando mais que o permitido pelas regras da igreja. Após publicar a imagem do documento nas redes sociais, a postagem viralizou e reascendeu um antigo debate.

“Um membro que se ausentar dos cultos da igreja por dois domingos consecutivos e não estiver presente no segundo domingo do mês seguinte, sem estar devidamente autorizado pelo pastor, será exonerado do rol de membros da igreja”, dizia a carta.
Williams, que diz frequentar a mesma igreja “desde o nascimento”, alega que não concorda com a decisão. Ela terá a oportunidade de se apresentar perante o pastor e o conselho administrativo da igreja para tentar reverter seu desligamento. Porém, afirmou que não vê motivos para fazê-lo.
Carta de Exclusão para Azoia
Carta de Exclusão de Azoia. (Foto: Reprodução / Facebook)
Ao publicar a imagem da carta, ela explicou em um longo texto que estava muito envolvida com seus estudos na faculdade e ficou chocada com a forma como ela foi tratada pela administração da igreja. “Por que ninguém daquela igreja ligou para perguntar “Azoia, como está indo a escola ou como está sua família?”, desabafou, contando que isso não abalará sua fé e que já encontrou outra igreja para frequentar.
A publicação dela teve mais de 6 mil compartilhamentos e mais de dois mil comentários. Ficou claro que a maioria das pessoas não concorda com a decisão da igreja. Há muitas manifestações de apoio à mulher e sobram críticas ao pastor.
Alguns relatam ter passado por situação parecida em suas próprias igrejas. Os amigos de Azoia afirmam que ela fez bem em procurar outro lugar para cultuar a Deus, enquanto alguns lamentam que muitos líderes não estão realmente interessados pelos membros, preocupando-se apenas em ter a igreja cheia. Uma minoria lembrou a cristã que ela sabia das regras de igreja quando se tornou membro. Com informações Christian Post
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.