Pastor Caio Fábio detona jejum proposto por Bolsonaro:"É o caminho dos fariseus" - Atualidades

Pastor Caio Fábio detona jejum proposto por Bolsonaro:"É o caminho dos fariseus"



O polêmico pastor Caio Fábio, usou as suas redes sociais para criticar o presidente Jair Bolsonaro mais uma vez. Agora, a crítica foi pelo jejum que acontecerá no próximo domingo (5).
O presidente convocou a nação para um jejum em prol da nação, atendendo o pedido de diversos pastores, entre eles o apóstolo Luiz Hermínio.

No entanto, Caio Fábio ainda encontrou uma brecha para criticar a atitude de fé do presidente Bolsonaro.
Caio publicou uma imagem em seu Instagram que diz que o jejum deve ser praticado em secreto, “pois fazê-lo em público é o caminho para a corrupção da devoção, pois vira show de santificação—é o caminho dos fariseus”.

O religioso também disse que esse jejum que Bolsonaro declarou é o jejum do “desespero”,  e que esse tipo de jejum acontece quando o desespero é maior do que a necessidade  de comer.
A declaração de Caio acabou provocando muitas críticas dos internautas que não concordaram com a visão do pastor.

“O jejum que o rei Josafá proclamou foi um jejum público e num momento de desespero. Também o de Ester. Será que em algumas circunstâncias de desespero um jejum coletivo e público não se faz necessário?”, indagou um seguidor

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.