Novamente Whindersson Nunes ataca Bolsonaro e o chama de Bosta, ASSISTA - Atualidades

Novamente Whindersson Nunes ataca Bolsonaro e o chama de Bosta, ASSISTA



Em entrevista ao Conversa com Bial que foi ao ar na Rede Globo na noite da sexta-feira (6), Whindersson Nunes foi curto e grosso falou sobre o presidente Jair Bolsonaro.
Em entrevista ao Conversa com Bial que foi ao ar na Rede Globo na noite da sexta-feira (6), Whindersson Nunes foi bem, digamos... sucinto, ao falar sobre o presidente Jair Bolsonaro.
Em meio a um bate-papo sobre fé, religiosos e críticas, o humorista foi questionado por Bial sobre as críticas de Felipe Neto, que recentemente falou que não influenciadores e famosos que não se pronunciam sobre a situação
política no Brasil como está hoje em dia são uma  "cambada de covardes que se preocupam mais com dinheiro do que com o futuro da pátria".  Em seguida, Felipe deixou de seguir Whindersson e outros famosos, o que foi recebido como uma crítica mais direta a eles.
Sobre a crítica, Whindersson falou sobre sua trajetória: "Eu tenho 25 anos, eu saí de um lugar muito longe, eu tenho muita noção de quem eu sou. Quando eu saí do Piauí 8 anos atrás para trabalhar e ficar rico, que era esse o meu plano. [...]. Eu era fã do Silas Malafaia e do Marco Feliciano. Eu era evangélico e ia com o meu amigo [na igreja] em Bom Jesus, no Piauí. Esses caras eram as referências, saca?"disse ele. "Na época, não tinha essa parada de política ainda e de envolvimento, e como eu era um adolescente que queria ter Jesus na minha vida, eu assistia a essas pessoas que eram ídolos para mim e absorvia tudo o que eles falavam", contou ele, que afirma que nunca perdeu a conexão com Deus. 

Por fim, disparou: "Que o Bolsonaro é um bosta, todo mundo já sabe e eu não preciso ficar repetindo isso. Não vou ficar falando isso e quem quiser acreditar, que acredite, e quem não quiser, assiste aos meus vídeos e atura




O @whindersson chamou o Bolsonaro de “bost-“ durante o programa ao vivo do 💥


Veja outros Tweets de @aprontaram


0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.